Solar

Solar

terça-feira, 16 de outubro de 2012

RETORNO DO LEGESLATIVO DE SANTIAGO APÓS PLEITO ELEITORAL


O retorno das atividades dos vereadores de Santiago foi marcado pela forte pressão da oposição, gerando discussões na tribuna, pedidos de CPIs e o bicho pegou.
NA TRIBUNA VEREADORES:
Arlindo PMDB: Agradecimento aos votos recebidos nas urnas, felicitações ao dia do professor e que estava de viagem agendada a Porto Alegre em busca de apoio e recursos para seus projetos.
Davi PP: Agradecimento aos votos recebidos nas urnas, felicitações ao dia do professor e o sucesso do ENART ocorrido no final de semana passado, em Santiago.
Gavioli PDT: Agradecimento aos votos recebidos e que mesmo não reeleito vai continuar lutando para o desenvolvimento de Santiago, gerando emprego e renda , pediu agilidade em calçamentos da cidade que estão parados.
Claudio Cardoso PP: Agradecimento aos votos recebidos nas urnas, felicitações ao dia do professor, defendeu o uso de uniformes nas escolas municipais, o que segundo ele evitaria à discriminação e mais economia as famílias, citou ainda ação na comunidade do bairro Missões para aquisição de ar condicionado para escola daquele bairro.
Bianchini PPL: criticou o executivo quanto a melhorias nas escolas municipais, disse ainda não haver recursos para orçamento na educação para 2013, entrara com pedidos CPI nos próximos dias no que diz respeito a superfaturamento de eventos organizados pelo executivo, citou o ultimo carnaval e deixou claro que não aceita ameaças, tenho a vida limpa.
Binho PP: Felicitações ao dia do professor e rebateu as acusações de Bianchini defendo o executivo.
Diniz PMDB: Agradecimento os mais de 6 mil votos recebidos nas urnas, rebateu acusações recebidas em campanha e que nunca  mamou nos cofres públicos e que não tem vergonha por ter passado por dificuldades no passado e assume seus atos, declarou que durante a campanha para o executivo, pode constatar  a real situação do município, pediu providências quanto à  empresas contratadas através de licitações que não estariam pagando seus funcionários, a falta de resultados em processos administrativos que estão engessados no  Executivo, criticou ainda a folha paralela de 20 milhões na prefeitura, projeto Minha Casa quanto ao seu critério de aquisição.
Pelé PP: Agradecimento aos votos recebidos nas urnas e defendeu o executivo, disse que as acusações são coisas de perdedores, cobrou do governo estadual verbas destinadas a saúde que estão em atraso, citou um caso de horário de ônibus escolar de uma localidade que foi mudado, que tem gente que come e vira o cocho que nem porco. Quem será o porco?
Bassin PSDB: Felicitações ao dia do professor e agradeceu os votos recebidos nas urnas, parabenizou Diniz pela campanha e que fora da casa vai continuar e colaborar com o desenvolvimento do município, saio de cabeça erguida e com magoas de algumas secretarias, por acreditar não ter recebido a devida atenção em projetos  solicitados, tem estradas que faziam 3 anos que não passava uma patrola e que de repente nas vésperas das eleições foram patroladas, melhorias do ponto de ônibus enfrente o HCS, próximo ao aeroporto que até hoje esta do mesmo jeito.

Caro leitor, diante dos fatos ocorridos na câmara de vereadores de nosso município após as eleições municipais, podemos ter uma prévia do que 2013 nos reserva, com o executivo tendo a minoria na bancada vai ser difícil segurar tantas denuncias, a questão é, que isso aconteça de forma democrática, sem agressividade e baixaria, quem acompanhou esse retorno do legislativo pode presenciar que os ânimos estavam exaltados, acredito não ser a forma correta, pois quem não deve não teme, cachorros foram soltos, porcos virando cocho, palhaçadas ditas e pi bull defendendo seu dono.
Acredito serem necessárias as CPIs, assim esclarece para comunidade essa incerteza de irregularidades que vem ganhando destaque em nosso município, assim quem sabe o foco ao desenvolvimento venha de forma mais sólida e com total força, sem disputas políticas e demagogias, que vaidades e egos não se sobressaem aos interesses da comunidade, no qual o executivo e o legislativo foram eleitos, tenho amigos que diante dos fatos e denuncias , que vem  acontecendo em nosso município me questionam se não seria o caso do Ministério Público intervir em nosso município, acredito que ainda é cedo, quero acreditar no bom senso do Executivo e Legislativo em esclarecer tais fatos, como diz o apresentador da Band Boris Casoy, isso é uma vergonha!..        

Nenhum comentário: