Solar

Solar

sábado, 3 de outubro de 2015

Os novos ministros do governo Dilma Rousseff



A presidenta Dilma Rousseff anunciou no final da manhã desta sexta-feira a redução de oito ministérios. A nova configuração ministerial, finalizada na quinta com ajuda do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, inclui a extinção e fusão de pastas e a realocação de titulares dos ministérios.
Segundo Dilma, no novo desenho da equipe, o PMDB teve ampliado de seis para sete o número de pastas. Entre os ministérios que o partido passa a comandar estão o da Saúde, com o deputado Marcelo Castro (PI), e o da Ciência e Tecnologia, com Celso Pansera (RJ). A Secretaria da Pesca foi para Agricultura.
O Gabinete de Segurança Institucional perdeu o status de ministério, e a Secretaria de Assuntos Estratégicos será extinta. A Secretaria-Geral se uniu à de Relações Institucionais e passa a ser chamada Secretaria de Governo, que vai ser responsável pelo Gabinete de Segurança Institucional, Secretaria da Micro e Pequena Empresa.
Ministério das Mulheres, igualdade Racial e Direitos Humanos, com a fusão das secretarias de Direitos Humanos; de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) e de Políticas para Mulheres.

Medidas anunciadas por Dilma para conter gastos
- Criação da Comissão Permanente da Reforma do Estado
-  Corte de de oito ministérios
-  Corte de 3 mil cargos comissionados
-  Fim 30 secretarias ligadas a ministérios
-  Redução de 10% nos salários dos ministros
-  Corte de 30% nos gastos de custeio
- Limite para gastos com telefone, passagens e diários em ministérios.
  Confira a lista com os novos nomes e suas respectivas pastas
Ricardo Berzoini - Secretaria de Governo
Miguel Rossetto - Ministério do Trabalho e Previdência Social
Nilma Lino Gomes - Ministério das Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos
Marcelo Castro - Ministério da Saúde
Aloizio Mercadante - Ministério da Educação
Jaques Wagner - Casa Civil
Aldo Rebelo - Ministério da Defesa
Celso Pansera - Ministério da Ciência,Tecnologia e Inovação
Helder Barbalho - Secretaria de Portos
André Figueiredo - Ministério das Comunicações

Nenhum comentário: