Solar

Solar

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Cezar Schirmer joga culpa nos banqueiros pela onda de ataques em agências no RS


O crescimento de ataques a instituições financeiras no Rio Grande Sul, vem crescendo de forma assustadora, ainda mais nesse período do ano. Agora o secretário de segurança Cezar Schirmer quer transferir toda a responsabilidade as instituições financeiras, a culpa pelas ondas de ataques as agências bancárias.

Sabemos que realmente os banqueiros precisam investir mais em segurança, vejam o caso do Bradesco de Santiago, na qual já me manifestei em outra oportunidade neste espaço, não possui uma porta detectora de metal, para quem já trabalhou ou trabalha na área de segurança privada, sabe e entende a importância dessa porta na prevenção quanto a segurança de funcionários e clientes de uma agência bancária, cito a agência de Santiago como exemplo, vejam que cresceu o número de ataques a cidades do interior, estas normas de segurança estabelecidas as instituições financeiras são fiscalizadas pela polícia Federal, em casos como a agência do Bradesco de Santiago, não poderia acontecer, toda e qualquer instituição financeira por lei tem que ter uma porta detectora de metal.

Agora mesmo diante da falta de investimentos e descaso das instituições financeiras neste país quanto a segurança, não dá o direito do nosso secretário vir a público querer transferir esta responsabilidade dos frequentes ataques somente aos banqueiros, de que adianta seguranças armados com apenas revólveres 38, o que vão fazer diante de armas que nem mesmo a Brigada Militar possui, explosivos, enfim, acredito que a solução é externa, parte das ruas, segurança pública feita de forma ostensiva, com mais recursos e contingentes, o estado de direito precisar causar terror na bandidagem, não o bandido impor suas regras na sociedade.

Claro que a declaração do secretário, não deixa de ter sua verdade, sabemos que no Brasil muito pouco se investe em segurança privada nos bancos, sei disso por que atuei muitos anos nessa área, agora nosso secretário precisa entender que segurança se faz com prevenção e está prevenção é nas ruas e as ruas são de inteira responsabilidade do estado.


Escutar desculpas dos banqueiros que sangram este país desde sempre, é uma coisa, agora desculpas de um secretário onde deveria buscar mecanismos para o combater à criminalidade, bom, ai a coisa começa a complicar realmente...

Nenhum comentário: